SUMIU

Os frequentadores mais atentos do Paço Municipal Javert Galassi perceberam que o secretário de Negócios Jurídicos de Americana, Alex Niuri, deu uma bela sumida. Ele pode até estar resolvendo algumas buchas da administração, mas saiu de cena. Uns dizem que estava cansado, com estresse. Outros, os das más línguas, falam que ele foi começar a cuidar de sua provável campanha eleitoral.

VEM CÁ

Habilidoso no trato político, o prefeito Dênis Andia (PV), de Santa Bárbara, chamou para uma conversinha, os vereadores Paulo Monaro, Jesus Vendedor,  Carlão Motorista, Kadu Garçom, Carlos Fontes e Celso Ávila. No meio destes, alguns espetam o prefeito toda santa semana na sessão da Câmara.

LÍDER

Em entrevista à Rádio Vox 90, sexta-feira, o secretário de Governo de Americana, Junior Barros (PV), reiterou que o relacionamento entre Omar Najar (PMDB) e Rafael Macris (PSDB) continua sendo muito bom. Em outras palavras: por enquanto, o jovem político continua na função de líder do prefeito na Câmara Municipal.

ESFORÇADO

Todos os dias, 5 horas da manhã, o secretário de Planejamento da Prefeitura, Cláudio Amarante (PMDB), pula da cama e faz uma caminhada pela Avenida Brasil. No fim de semana, o secretário foi para a praia e lá manteve o (saudável) hábito.

CARNAVAL

A grande maioria dos servidores públicos de Americana – são 5 mil ao todo – para o trampo no fim d atarde de sexta-feira e só volta às 12 horas da quarta-feira de Cinzas. O prefeito Omar Najar não conseguiu acabar com os diversos pontos facultativos em três anos de administração. Os servidores juram, de pés juntos, que todas essas horas são compensadas posteriormente.

UM MONTE

Na primeira sessão de 2018 da Câmara de Americana, dia 1 de fevereiro, quase 1.000 proposituras foram apresentadas pelos vereadores, entre projetos, requerimentos, indicações e moções. Prefeito e secretários espernearam muito, pois quase tudo precisa de resposta por escrito. Na segunda sessão, dia 8 de fevereiro, quinta-feira passada, esse montante caiu para 262 proposituras, sendo 14 projetos, 27 requerimentos, 8 moções e 213 indicações. Haja papel, digitadores, funcionários para xerocar e levar para o Correio, etc.