TRANSPORTE

Pode virar briga jurídica, entre Prefeitura de Americana e VCA, essa história de intervenção do Poder Público na empresa. Qual empresário vai aceitar uma medida tão forte assim, apesar dos vários avisos do prefeito? Aliás, tempos atrás, o transporte coletivo conseguiu reajuste da tarifa no transporte da cidade só depois de apelar à Justiça. O prejuízo da VCA deve ficar perto de R$ 80 mil por dia, já que tem 22 linhas e transporte cerca de 25 mil passageiros por dia. A tarifa do ônibus, na cidade, custa R$ 3,50.

POR CIMA

Nessa história de intervenção da Prefeitura numa das empresas do transporte coletivo, o vereador Thiago Martins (PV) sai meio por cima, já que, há duas sessões na Câmara, ele foi direto sobre o assunto, dizendo: “O transporte coletivo de Americana é um lixo”. Quase tomou um processo por causa disso, mas não desmentiu, nem consertou.

FAZ PARTE

Questionado sobre a ira do vereador Pedro Peol (PV), sobre não ter avisado o prefeito Omar Najar da assinatura de convênio de R$ 300 mil com o Estado, conquista do deputado Chico Sardelli (PV), o secretário de Ação Social, Walter Veneciano, foi curto e grosso. “Faz parte do show”.

PORTA

Pelo jeitão da coisa, o prefeito de Nova Odessa, Bill Vieira de Souza (PSDB), bateu com o nariz na porta do gabinete do governador Geraldo Alckmin (PSDB). Bill quer dinheiro do Estado para obras viárias, mas o governador não atendeu. Prefeito, então, foi falar com o deputado Cauê Macris (PSDB), fez uma foto e mandou para a imprensa.

RITORNO

Depois de visitar parentes que tem na Itália, o deputado estadual Chico Sardelli (PV) retoma suas atividades parlamentares em Americana e interior de São Paulo.