NÃO

Falando ao vivo, ontem cedo, na Rádio Vox 90 FM, o prefeito de Nova Odessa, Bill Vieira de Souza, do PSDB, mandou “não” a várias reclamações contra sua administração. Negou problemas com a merenda escolar, não vê problemas na cessão de uma área pública a um clube de tiro, tem certeza que os 1,2 mil servidores estão contentes, frisou que a cidade não tem muitos buracos, negou fechamento de escolinhas esportivas, etc.

CRIME

Cada vez mais os políticos do PSDB de Americana jogam contra o governo do prefeito Omar Najar (PMDB). Ontem, foi a vez do vereador tucano Marchelo Meche que, ao receber respostas do Departamento de Água e Esgoto sobre esgoto, percebeu que a autarquia anda despejando poluentes no Ribeirão Quilombo. Irritado, falando alto, Meche acusou o DAE de cometer crime ambiental.

TRAIU?

Alguns vereadores, principalmente Pedro Peol (PV), ficaram revoltados ontem com Wellington Rezende (PRP). Discutiram a portas fechadas sobre resíduos sólidos mas, em plenário, na discussão de projeto nesse sentido do prefeito, ele votou de forma diferente. Hoje o lixo de Americana vai todinho para a empresa Estre, de Paulínia, ao custo mensal de R$ 600 mil.

PARABÉNS

Enquanto 231.456 moradores de Americana criticam a EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) pelo atraso de três anos no terminal da Avenida Antonio Lobo, o vereador Gualter Amado (PRB) fez discurso na sessão de ontem parabenizando a dita cuja por causa da instalação de um semáforo.

UFA

Milagre na sessão desta quinta-feira: nenhum vereador reclamou de salsicha servida na merenda das escolas municipais.

BUCHA

Apesar de ser bastante contida, a vereador Giovana Fortunato, que ainda está no PC do B, deixou claro na sessão que problemas pesados serão trazidos à tona com os trabalhos investigativos da Comissão Especial de Inquérito da Fusame e do Hospital Municipal Waldemar Tebaldi. Mas a CEI já começa com um problema: constituída ontem, terá que esperar até janeiro ou fevereiro para começar a ouvir os envolvidos por conta do recesso parlamentar.

BE QUIET

Está terminando o primeiro dos quatro anos da “nova” Câmara de Americana. E 100% dos vereadores continuam fugindo quando o assunto é mudança de sede. Eles adoram o castelo do antigo Colégio Divino Salvador e suas 1.467 dependências.